Está claro para você o que é oferta e demanda imobiliária? - Software para Incorporadora e Construtora

Compreender os mecanismos por trás do funcionamento de oferta e demanda imobiliária é um dos aspectos mais básicos para se ter sucesso nesse mercado. Essa é uma variável que impacta expressivamente na precificação de terrenos e empreendimentos.

E ela está associada a diversos outros aspectos que devem ser analisados contextualmente e em conjunto com a dinâmica do setor econômico. A partir disso, consegue-se trabalhar com produtos imobiliários formatados para a realidade da oferta e demanda imobiliária do mercado de interesse.

Apesar de esse ser um conceito básico, ele permanece relevante. Por isso, negligenciar o fator da oferta e demanda imobiliária pode levar a erros que afetarão o sucesso dos projetos e a posição e finanças da empresa.

Neste artigo, falaremos mais sobre o conceito de oferta e demanda imobiliária, sua importância, fatores que afetam esses indicadores e daremos uma dica valiosa de como acompanhar as oscilações de oferta e demanda imobiliária em suas áreas de interesse. Confira a seguir.

A lei da oferta e demanda

A lei de oferta e demanda é um princípio econômico básico que explica a relação entre oferta e demanda de um bem ou serviço e como essa interação afeta o preço desse bem ou serviço.

Quando há uma grande procura, o preço tende a subir. Se houver uma grande oferta, mas não houver demanda suficiente, o preço tende a cair.

Em boa medida, a oferta e a demanda trabalham uma contra a outra até o ponto em que o preço de equilíbrio é alcançado – ou seja, o preço em que a oferta é igual à demanda no mercado. Isso acontece, é claro, quando todos os outros fatores permanecem iguais.

Oferta e demanda imobiliária

O mercado imobiliário também depende fortemente da oferta e da demanda, razão pela qual esse é um indicador muito analisado no setor.

Quando há alta demanda por imóveis em uma determinada cidade ou estado, combinada com a falta de oferta de imóveis de qualidade, por exemplo, os preços tendem a subir. Por outro lado, quando uma economia fraca e uma oferta excessiva de propriedades levam a uma demanda baixa ou nenhuma demanda por moradias, os preços dos imóveis tendem a cair.

De forma geral, os valores dos imóveis tendem a se mover em ciclos, refletindo a economia como um todo. Com um alto nível de emprego e aumentos regulares de salários, a demanda por moradias e outras modalidades de imóveis poderá aumentar e os preços seguirão o exemplo.

Já quando o índice de desemprego aumenta e os níveis salariais estagnam ou diminuem, a taxa de execução de hipotecas aumentará. À medida que mais propriedades se tornam disponíveis e menos pessoas podem comprá-las, os valores de mercado tendem a diminuir. E quando as condições econômicas se tornam mais favoráveis, os valores de mercado devem se estabilizar.

Fatores que afetam a oferta e demanda imobiliária

Alguns dos fatores que influenciam a demanda por imóveis incluem taxas de juros mais baixas ou custos de empréstimos. Quando as taxas de juros estão baixas, as pessoas geralmente estão mais dispostas a contrair dívidas e fazer investimentos.

À medida que mais compradores entram no mercado, a demanda por imóveis também aumenta. E se ainda houver uma oferta limitada de estoque de imóveis, os preços em um ambiente de taxas de juros baixas podem subir ainda mais.

Enquanto isso, a oferta de imóveis está em constante fluxo. O estoque pode aumentar quando as pessoas estão se mudando para outro lugar. Da mesma forma, pode haver um aumento no desenvolvimento e na construção de novas moradias em determinada área, aumentando o estoque existente.

Por outro lado, o inventário habitacional diminui em épocas de desastres naturais, como inundações, ou quando propriedades existentes são demolidas. A propriedade da terra também é um recurso finito, portanto, a quantidade de novos empreendimentos enfrenta certos limites.

Além desses fatores, questões como o envelhecimento da população, maior oferta de crédito imobiliário, a abertura de um novo parque industrial na região, entre outras também podem influenciar nesses índices.

Lançamento de oferta para atender uma demanda imobiliária

Subjacentes a todas essas influências que vimos, estão os fundamentos básicos da oferta e da demanda. Não é possível preencher uma escassez de oferta imobiliária “fabricando” mais unidades de terra. Essa é uma oferta finita, não uma mercadoria manufaturada. É possível, por exemplo, criar mais unidades dentro de um determinado espaço, como condomínios, mas o terreno em si é único. Por isso, é fundamental definir qual é a melhor opção de uso para ele.

Dessa forma, não é apenas a disponibilidade de um imóvel na região que poderá atender a uma demanda. Essa demanda também pode estar associada a questões como metragem das unidades, estilo da edificação, diferenciais de área de uso comum no condomínio, automação residencial, disponibilização de serviços e amenidades pay per use no condomínio, entre tantas outras questões.

Com isso, é essencial compreender também o que seu público quer e valoriza em imóveis. Assim, evita-se que os lançamentos apresentem uma performance abaixo da curva de vendas projetada e perdas financeiras diante da dificuldade e morosidade na comercialização das unidades. A compatibilidade e conciliação entre o que o mercado procura e o que sua empresa oferece é algo que favorecerá o sucesso dos projetos.

Como acompanhar e obter insights quanto à oferta e demanda imobiliária?

Utilizar a lei da oferta e demanda imobiliária ao favor do sucesso dos seus empreendimentos é um cuidado inteligente para potencializar seus resultados. No entanto, como vimos, para conseguir, de fato, extrair insights mais aprofundados, é necessário captar, consolidar e analisar um volume grande de dados.

Fazer isso de forma descentralizada e sem algum nível de automação é algo complexo, demorado e com maior potencial de erros. Por isso, a recomendação é utilizar uma plataforma especializada nesse tipo de trabalho.

Com o Comproterreno, por exemplo, com três cliques, você já terá acesso a dados importantes para compreender a oferta e demanda imobiliária em uma região de interesse. Essa solução traz, ainda, uma série de recursos para otimizar a compra de terrenos e tomar as melhores decisões na gestão de land bank.

E então, ficou interessado nessa solução? Entre em contato com nossos especialistas e descubra todos os diferenciais do Comproterreno.

 

No Comment

Comments are closed.