Como escolher um sistema de gestão de land bank? - Software para Incorporadora e Construtora

O uso de um sistema de gestão de land bank proporciona uma forma eficaz de gerenciamento e de redução dos riscos ao se fazer negócios imobiliários. Considerando que a compra de lotes é um grande ativo, o uso de um sistema de gestão de terrenos é o primeiro passo, e um dos mais importantes, para a sobrevivência de negócios imobiliários no mercado moderno.

A experiência confirma que é possível automatizar o processo de gerenciamento, a eficiência da terra e os serviços jurídicos das incorporadoras, introduzindo um sistema de informação integrado, automatizando todos os processos, regulamentos e documentos.

Caso contrário, vários problemas podem surgir, o resulta em perdas significativas para o empreendimento. Utilizar um sistema de gestão de land bank de geoinformação cobre todas as áreas de gestão, e seus usuários são capazes de sincronizar os processos de suas atividades, minimizando erros e potencializando resultados.

Dessa forma, continue lendo e saiba mais sobre o sistema de gestão land bank e como você pode escolher a melhor opção para o seu negócio.

O que é land bank?

O land bank é a prática de adquirir, administrar, manter, redefinir e vender terrenos para incorporação imobiliária. Com isso, em vez de colocar dinheiro em uma conta de poupança (com taxas de juros muito baixas) ou no mercado de ações (que se tornou cada vez mais imprevisível nos últimos anos), alguns empresários adotaram uma abordagem alternativa de compra e venda de terrenos.

Isso ocorre, pois um terreno é considerado um ativo fixo e tangível – aquele que não pode ser danificado, roubado ou destruído. Você pode comprar um pedaço de terra hoje, ficar longe dele por 10 anos e, quando voltar, nada terá mudado.

Um pedaço de terra é um recurso valioso, com uma oferta que está sempre caindo, e demanda que está constantemente aumentando. Por isso, as chances de valorização e lucros são altas nesse mercado.

Novos bairros surgem constantemente, assim como empreendimentos comerciais, parques industriais e estabelecimentos de varejo estão sempre sendo criados ou revitalizados, não importando o aspecto do mercado imobiliário.

Basta um investidor comprar terras nos arredores de uma cidade e esperar que a população cresça até essas áreas. Quando isso acontece, os preços da terra aumentam e as incorporadoras são capazes de lucrar com esse investimento. Muitas empresas de sucesso cresceram a partir desse investimento, e você também pode fazer isso, criando uma estratégia assertiva e adotando um sistema de gestão de land bank.

As vantagens de um sistema de gestão de land bank

Dada as incertezas da legislação imobiliária e a situação na economia e política do país, a implementação de sistemas de informação de gestão de terrenos consegue garantir um gerenciamento eficaz, para aumentar a atratividade do investimento e o valor do negócio.

O uso de um sistema de informação permite criar uma gestão baseada em relatórios operacionais. Todos os registros, contratos, documentos, modelos e relatórios estão em um único sistema automatizado, que fornece proteção de dados e aumenta significativamente a eficiência de sua equipe comercial.

Com isso, o sistema de gestão de land bank se integra à finanças e usa as mais recentes tecnologias digitais para ajudá-lo a melhorar o desempenho do portfólio de imóveis, o gerenciamento de prédios, a contabilidade de leasing e outros aspectos.

A escolha de um bom sistema de gestão de land bank

As ferramentas de gerenciamento de land bank se tornaram soluções essenciais para empresas imobiliárias, independentemente do porte da empresa. Elas são cruciais se você deseja expandir os negócios e criar leads melhores.

Se um agente ou investidor aderir ao melhor sistema, é possível ter um grande impulso nos resultados, ficando à frente da concorrência. Quanto melhor você gerenciar seus terrenos, maior será a probabilidade de fazer uma boa venda.

Um bom sistema de gestão fornece uma infinidade de funções e serviços diferentes. Por esse motivo, é fundamental conhecer antecipadamente quais são os seus principais objetivos, pois são suas necessidades que realmente vão definir a melhor plataforma.

Além disso, você também deve considerar como a equipe pode se adaptar ao sistema de gestão de land bank. A solução deve ter uma taxa de adoção de 100% dos seus colaboradores para que os dados e as informações sejam facilmente compartilhados por toda a equipe.

Suas demandas não são, necessariamente, as necessidades dos outros membros individuais da equipe. Por esse motivo, pergunte aos seus funcionários e parceiros o que eles precisam. Verifique a experiência do usuário de cada um antes de se comprometer com uma nova plataforma. Se existe a possibilidade de alguma dificuldade expressiva, escolha outra alternativa. O melhor sistema é aquele que é mais fácil para toda a equipe usar e que tem potencial de otimizar sua rotina e resultados.

Pense, ainda, em quanto tempo você levará para implementar o sistema de land bank. Uma boa solução não deve ser difícil para sua equipe começar a usar. Quanto mais demorar para implementá-la, com base nas necessidades e no tamanho da equipe, mais tempo levará para ver os resultados.

Da mesma forma, você também deve considerar os custos, já que a maioria das plataformas oferece pacotes diferentes com base nos recursos extras incluídos e em quantas pessoas vão usar a solução.

Encontrar o melhor sistema significa escolher aquele que tem as opções para se adequar ao seu ciclo de vendas atual e futuro. Por isso, se você é como a maioria dos investidores imobiliários e pretende comprar terrenos para gerar lucro ou criar uma fonte de renda passiva, é fundamental investir em um sistema de gestão de land bank.

E então, ficou com alguma dúvida sobre como escolher um sistema de gestão de land bank? Deixe sua mensagem nos comentários e continue acompanhando nosso blog. Até a próxima!

No Comment

Comments are closed.