6 conceitos da viabilidade de empreendimentos imobiliários - Software para Incorporadora e Construtora

Saber analisar a viabilidade de empreendimentos imobiliários é crucial para o sucesso de seu negócio. Para isso, é preciso que os conceitos da viabilidade sejam bem fundamentados e aplicados no processo.

A comparação entre os investimentos e o retorno realizado dependem de uma estruturação e visão completa. Desde a etapa de projeção de custos e despesas até a análise dos indicadores de viabilidade, todo o estudo deve contar com um planejamento concreto.

  

Neste artigo, você saberá mais sobre alguns dos principais conceitos da viabilidade de empreendimentos imobiliários. Ações como análise a valor presente, investimentos, retornos e resultados serão apresentados, e, dessa forma, você poderá ter um controle maior na implementação de ações a serem tomadas. Confira.

A importância da viabilidade de empreendimentos imobiliários

A viabilidade de empreendimentos imobiliários é importante para medir seu retorno para o investidor. Assim, ele consegue priorizar determinados projetos e redirecionar esforços e verbas para os empreendimentos imobiliários. Isso é necessário especialmente quando os investimentos são limitados e é preciso focar em um projeto que atinja os objetivos.

Para a análise de viabilidade de empreendimentos imobiliários, são avaliados indicadores e dados de acordo com diferentes abordagens. Nesse processo, etapas como projeção de custos, análise de investimentos, entre outras são essenciais para que se tenha um diagnóstico preciso da viabilidade imobiliária.

Conceitos essenciais sobre viabilidade de empreendimentos imobiliários

1. Receita

A receita, no contexto de viabilidade de empreendimentos imobiliários, identifica a capacidade de o negócio gerar dinheiro, e realizar a projeção exige um conhecimento amplo do mercado imobiliário. Assim, é possível trabalhar com uma receita realista e ter maior potencial para atingir os resultados propostos.

Para definir uma receita condizente com os investimentos imobiliários, é importante não contar com a capacidade total de capital de giro. Isso significa que a projeção deverá considerar cada investimento e partir de números que não fujam do controle durante a operação.

Além da projeção da receita não ser correspondente ao total de sua geração, ela precisa ser flexível. Existem variações antes, durante e após a viabilidade de empreendimentos imobiliários. Por exemplo, estimativas de vendas não podem ser sempre fixas, precisando de outros indicadores e dados para uma projeção de receita adequada.

2. Custos, despesas e investimentos

Na viabilidade de empreendimentos imobiliários, custos, despesas e investimentos serão justificados de acordo com a projeção de receita. A capacidade de sua empresa em realizar a incorporação, venda, produção de land bank e demais fontes de receita influenciará esses custos.

Os custos, as despesas e os investimentos, em uma etapa de viabilidade, vão além do investimento inicial. Afinal, se as projeções de receita precisam ser modificadas, os gastos também devem acompanhar essa conta. Isso é especialmente verdadeiro quando se considera o tamanho do mercado imobiliário que sua empresa deseja ter controle.

3. Fluxo de caixa

A projeção de fluxo de caixa é a diferença entre as projeções de receitas e de investimentos, despesas e custos. Ter o controle dessas variações é importante para a tomada de decisão após análise de viabilidade.

Em muitos casos, o investimento em determinado empreendimento pode exigir um fluxo que não acompanhe a projeção como um todo. Esse fator deve ser considerado na análise financeira de seu empreendimento.

4. Taxa Mínima de Atividade

Para que sua análise de viabilidade informe o retorno mínimo esperado de seu empreendimento, é importante monitorar sua Taxa Mínima de Atividade (TMA). Ela utiliza como base a fonte de capital de sua empresa e a margem de lucro esperada com o investimento.

As fontes de capital consideradas na TMA podem ser provenientes dos próprios empreendimentos ou de empréstimos. Por isso, taxas de juros referência, como a SELIC, são levadas em consideração quando se calcula a TMA.

5. Análise de Valor Presente Líquido

Como vimos, a análise de indicadores é de grande importância para a viabilidade financeira de empreendimentos imobiliários. É por meio deles que a empresa poderá dar o passo seguinte em relação ao seu próximo investimento imobiliário.

E um dos vários indicadores utilizados na etapa de viabilidade de empreendimentos imobiliários é o Valor Presente Líquido (VPL). Esse indicador analisa, em um período, a projeção de todos os fluxos de caixa esperados pelo investimento. Descontando taxas, como a TMA até a data do investimento, o VPL é a diferença de todos os fluxos de caixa por seu investimento.

O VPL positivo determina capacidade de lucro do projeto. Um VPL nulo indica um projeto que atingirá seu break even (se pagará) ao longo do tempo. Já um resultado negativo indica prejuízo.

6. Taxa Interna de Retorno

A Taxa Interna de Retorno (TIR) é um indicador percentual que mostra a rentabilidade de um empreendimento. De acordo com o período do fluxo de caixa calculado pela empresa, determina-se, também, o período do TIR.

Esse indicador tem como comparativo a Taxa Mínima de Atratividade. Afinal, ambos são dados referentes ao retorno de seu investimento. Uma TIR maior, igual ou menor do que a TMA definirá se há lucro, estabilidade ou prejuízo.

Dica extra: tenha dados precisos para projeções realistas

Não basta apenas conhecer conceitos como os que vimos aqui. Eles geram valor quando, de fato, são projetados a partir de dados factíveis e precisos, que possam acompanhar as variações que o empreendimento terá de acordo com o período.

Investir em soluções para seus negócios imobiliários é uma forma de ter acesso e o controle dessas informações. Assim, a viabilidade de empreendimentos imobiliários futuros se torna mais precisa e rentável. Além disso, seu negócio ganha a oportunidade de otimizar seus processos – e sem perder competitividade no mercado imobiliário.

Saiba mais como o Hiperdados pode auxiliar seu processo de viabilidade de empreendimento imobiliário. Solicite uma versão de testes totalmente gratuita e confira como colocar esses e os demais conceitos de viabilidade em prática!

No Comment

Comments are closed.